Custo de armazenagem: quais são, como calcular e reduzir

Como calcular e reduzir custo de armazenagem? [Guia completo]

Para uma boa gestão do seu negócio de mercadorias, seja para exportação ou na importação de produtos, é fundamental entender os conceitos e as aplicações do custo de armazenagem.

Principalmente dentro do ramo de comércio internacional, que é um pilar fundamental da economia global e que envolve uma série de desafios logísticos, os custos de armazenagem fazem parte dessa troca de bens e serviços, que precisa ser assertiva para gerar lucros.

A eficiência na gestão do armazenamento de produtos importados e exportados é crucial para o sucesso das operações de comércio exterior, e compreender os fatores que influenciam esses custos é essencial para as empresas que atuam nesse mercado.

Considerando esses e outros fatores, já deu para perceber a importância desse tópico para o sucesso do seu negócio, não é mesmo?

Para ajudar você a tirar suas dúvidas sobre esse tema e potencializar os resultados da sua empresa, Narwal Sistemas preparou um conteúdo completo sobre o assunto, e apresenta logo abaixo.

Acompanhe até o final para conhecer quais são os custos de armazenagem, como calculá-los, e até conferir as possibilidades de reduzir esses custos.

Boa leitura!

Procurando saber o que são custos de importação? Temos um artigo dedicado a esse tema: confira aqui.

O que são custos de armazenagem?

Os custos de armazenagem se referem às despesas associadas ao armazenamento de produtos ou mercadorias em instalações adequadas, como armazéns, depósitos, galpões, ou qualquer outro espaço destinado a manter esses itens temporariamente. 

Esses custos são uma parte essencial da gestão logística de uma empresa e podem impactar significativamente seus resultados financeiros e eficiência operacional.

Quais são os custos de armazenagem?

A gestão eficiente de custo de armazenagem é crucial para as empresas, pois pode representar uma parcela significativa dos gastos operacionais totais.

Saber lidar com essas despesas implica, inicialmente, conhecer mais sobre quais são os principais custos antes mesmo de investir em práticas que podem ajudar as empresas a reduzi-los.

Confira abaixo uma lista com os principais custos de armazenagem:

  1. espaço de armazenagem;
  2. equipamentos e tecnologia;
  3. custo de mão de obra;
  4. manutenção e reparos;
  5. segurança;
  6. custo de energia;
  7. custo de embalagem e acondicionamento;
  8. impostos e regulamentações;
  9. custo de gestão de estoque.

Qual a importância do custo de armazenagem?

Os custos de armazenagem desempenham um papel fundamental em diversas áreas de uma empresa, seja ela de comex ou não, influenciando diretamente a competitividade, a eficiência e a sustentabilidade de um negócio.

Ainda, eles impactam áreas como:

  • gestão de estoque;
  • eficiência operacional;
  • otimização de espaço;
  • atendimento ao cliente;
  • gestão de recursos financeiros;
  • tomada de decisões estratégicas.

Custo de estoque e custo de armazenagem: qual a diferença?

Apesar de serem considerados sinônimos, estocagem e armazenagem podem ser similares no conceito de guardar, mas, dentro do ramo empresarial, se tratam de aplicações distintas.

Separamos uma explicação objetiva sobre cada um desses termos, para que você não confunda mais os dois:

Custo de armazenagemSão os valores gastos com a estrutura física do local onde são armazenados produtos: o galpão ou o armazém. Aqui, são tratadas demandas como a segurança, conservação e proteção de mercadorias.
Custo de estocagemAqui, estamos falando do que é gasto com as cargas propriamente ditas, como a preparação para a comercialização das mesmas.

Como calcular o custo de armazenagem?

O que são custos de armazenagem? Confira tudo neste artigo!

Para otimizar esses custos, é fundamental que a sua gestão esteja apta a compreendê-los e, principalmente, calculá-los.

Aqui, devem ser analisados os diversos fatores que influenciam esses gastos, e demais outras informações que precisam ser agregadas a essa contabilidade, como o período do cálculo, produtos vendidos e que sobraram nesse tempo, tamanho do local de armazenamento, e questões afins.

Em suma, pode ser feito o cálculo do custo de armazenagem das seguintes formas:

  • dividindo o valor total de despesas pela quantia de produtos que foram estocados durante período;
  • dividindo o valor total das despesas pelo tamanho do local onde está sendo feito o armazenamento dos itens.

Contar com sistemas de gestão de comex que são especializados nessa demanda pode ajudar: sempre busque o apoio e as facilidades oferecidas pela tecnologia!

7 dicas para reduzir os custos de armazenagem

Agora que você já sabe quais são esses custos e de que forma eles podem impactar os processos da sua empresa, que tal conferir algumas estratégias sobre como reduzi-los?

Acompanhe abaixo algumas dicas que separamos:

Invista em sistemas de gerenciamento de armazenagem

A adoção de sistemas de gerenciamento de armazém (WMS) e automação pode aumentar a eficiência e reduzir custos operacionais.

Logo, você consegue otimizar o controle de estoque, traçar a melhor alocação de espaço e rastrear seus produtos em tempo real.

Maximize o uso do espaço disponível

Isso pode ser feito, principalmente, por meio de layouts eficientes, como:

  • prateleiras ajustáveis;
  • estantes feitas de pallets;
  • sistemas de estocagem vertical;
  • e muito mais!

Reduza os erros de picking e embalagem

Identifique e trabalhe nos possíveis erros que a sua empresa pode estar desempenhando neste tópico.

Aqui, estamos falando de razões diversas que podem levar a devoluções, desperdício de tempo e custos adicionais de envio.

Gerencie cuidadosamente os prazos de validade

Acompanhar de perto a demanda e adotar práticas de gestão de estoque just-in-time pode ser vantajoso para os prazos de validade das mercadorias.

Adote uma política de FIFO, ou “primeiro a entrar, primeiro a sair”, minimizando potenciais desperdícios.

Capacite a equipe com treinamento contínuo

Custo de armazenagem: quais são, como calcular e reduzir

Invista em programas de capacitação para o time de funcionários que vai lidar com a armazenagem, seja na logística ou na administração da mesma.

Assim, você melhora a eficiência das operações de armazenagem e evita dores de cabeça com as demandas.

Desenvolva um sistema eficiente para lidar com devoluções de produtos

Se a devolução de mercadorias acaba se tornando uma questão, é importante analisar porque ela é um gargalo na gestão de custos.

Para isso, use um sistema eficiente que consiga lidar com produtos danificados e outros motivos que levam à devolução, minimizando as perdas e reduzindo retrabalhos.

Aposte em práticas sustentáveis

A reciclagem de embalagens e a redução do desperdício são tópicos importantes para reduzir os custos do seu negócio e ainda ajudar o meio ambiente!

Com práticas sustentáveis, você economiza recursos diversos e ainda melhora a imagem da sua empresa perante o mercado.

Tudo o que você precisa para otimizar os resultados da sua empresa você encontra no sistema de Narwal: confira aqui nossas soluções!

Previsibilidade, assertividade e controle total sobre a sua gestão de comex

Conclusão

Em resumo, a gestão eficiente de custo de armazenagem é crucial para as empresas, pois pode representar uma parcela significativa dos gastos operacionais totais.

Gerenciá-los eficazmente é essencial para o sucesso a longo prazo e para atender às necessidades dos clientes de forma eficiente e econômica.

Narwal Sistemas pode ajudar o seu negócio a tratar essa e outras demandas da sua empresa de forma simples, automatizada e sem burocracias: confira nosso sistema inteligente de comex!
Para mais dicas e conteúdos como este, acesse aqui o blog completo de Narwal Sistemas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *