Maturidade de gestão: o que é e como alcançá-la

pessoas em uma mesa

Independentemente do segmento, a concorrência está sempre crescendo, e nesse sentido a maturidade de gestão é essencial para que os negócios atuem estrategicamente e, assim, consigam se destacar no mercado

É importante entender o nível de maturidade em que a organização se encontra e qual é o impacto dela nos negócios para percorrer o caminho certo para o desenvolvimento empresarial.

Neste artigo, explicamos o conceito de maturidade de gestão, a importância de fazer essa identificação, o nível em que ela se encontra na sua empresa e os pontos principais para detectá-la. Confira!

O que é maturidade de gestão?

O conceito de maturidade de gestão é o grau de competência da empresa com relação à gestão de todos os processos organizacionais e em todas as áreas de atuação.

Melhorar a eficiência, a qualidade e a produtividade dos negócios exige um planejamento estratégico preciso e um monitoramento de todas as etapas.

Mas, para conseguir o crescimento desejado, é fundamental que a empresa saiba em que nível de maturidade de gestão se encontra para que possam ser aplicadas as ferramentas adequadas para as transformações

Esse conceito contém etapas de orientação para a melhoria da gestão de acordo com o grau de maturidade em que ela se encontra.

Qual é a importância de identificar a maturidade de gestão das empresas?

Com a identificação da maturidade de gestão, os gestores são capazes de implementar ações corretas e que estejam alinhadas tanto com os propósitos organizacionais quanto com as necessidades

A pesquisa Maturidade de Gestão 2021 mostrou que a maioria das empresas ainda precisam melhorar sua gestão para evoluírem e conquistarem excelência

As entrevistas foram realizadas com profissionais em organizações de pequeno, médio e grande porte e revelaram que 34% não sabem quais os métodos de gestão utilizados na empresa em que trabalham.

Por isso, identificar e aplicar a maturidade de gestão de forma correta é essencial para o alcance de metas e o sucesso dos negócios. É preciso entender quais são as reais necessidades na gestão empresarial para utilizar os recursos adequados nas melhorias.

Sendo assim, é importante medir o nível de maturidade sempre que for necessário, pois erros e acertos são constantes em uma organização. Fazer as correções ou modificações dos gargalos identificados no momento certo é a chave para conquistar sucesso na  gestão e destaque no mercado.

Para avaliar e medir a maturidade organizacional, é necessário avaliar fatores como:

  • Saber como funciona a maturidade de gestão;
  • Avaliar em qual nível a empresa se encontra;
  • Entender o que será preciso modificar;
  • Definir prioridades de acordo com a importância.

Quais são os níveis de maturidade de gestão?

Os níveis de maturidade de gestão auxiliam os gestores na avaliação de qual é o grau de organização e eficiência em que a empresa se encontra. Com a identificação, é possível fazer as correções adequadas para a real situação organizacional e utilizando as ferramentas corretas.

De acordo com a análise de alguns aspectos, os gestores conseguem classificar em qual dos cinco níveis de maturidade de gestão a empresa está inserida. Confira a seguir quais são e a definição de cada um.

1. Inexistente

As empresas que se encontram no nível 1 da maturidade de gestão são aquelas que estão completamente perdidas quanto à execução correta dos processos e tarefas e não conseguem manter um controle de todas as ações.
Nenhuma atividade ou etapa segue padrões ou estratégias definidas e, com isso, não produzem da forma correta e ficam atrás dos concorrentes. Por não existir uma estruturação de regras e métodos, os colaboradores trabalham desmotivados e de qualquer maneira. Com isso, a empresa eleva sua taxa de turnover e diminui a eficiência.

2. Gestão informal

No segundo nível, a empresa possui algum método de controle estabelecido para a gestão, mas apenas em alguns momentos, além de possuir uma comunicação interna com muitas falhas e sem integração de dados e informações
Não existem estratégias e métodos documentados e, com isso, as ordens de trabalho e as ações são executadas informalmente e de maneiras distintas, gerando mais chances de falhas e problemas em encontrar os gargalos.

3. Parcialmente documentada

No nível 3 de maturidade de gestão, já existem métodos documentados em alguns dos processos. Com isso, eles são mais definidos e organizados, facilitando o trabalho dos colaboradores e melhorando a gestão. 
Mas ainda falta um controle preciso das atividades para que os gestores consigam avaliar se a execução está alinhada com o que foi estruturado. Por isso, essa parte é comprometida e atrapalha todas as outras etapas sem um monitoramento eficiente.

4. Gerenciada

No nível 4, a empresa consegue ter um bom controle dos processos, mais eficiência e, principalmente, mais organização com produtividade e fluidez do trabalho. A visão dos gestores com esse grau de gestão é mais clara e, com isso, fica mais fácil monitorar cada etapa.
As falhas conseguem ser identificadas com facilidade e as correções são feitas de forma antecipada, com as ferramentas adequadas para a gestão. Nesse ponto, a equipe já tem total conhecimento de como devem ser executadas as ações.

5. Otimizada

O nível 5 da maturidade de gestão são empresas que conseguem otimizar os processos com qualidade, eficiência e precisão. Tudo isso com o uso de um sistema que fornece os dados e as informações através dos indicadores de desempenho.
As melhorias são sempre constantes e as falhas identificadas e corrigidas com rapidez. O planejamento estratégico é bem definido, a execução das atividades são alinhadas com os objetivos e a comunicação é integrada e clara entre todos os setores.

Principais pontos para identificar a maturidade de gestão de uma empresa

Alguns fatores ajudam os gestores a identificarem a maturidade de gestão da empresa e, por meio de um monitoramento constante, é possível entender as necessidades atuais da organização e assim definir as melhores estratégias para uma gestão eficaz.

Para saber conduzir a empresa até o nível 5 e conquistar excelência no mercado, é importante avaliar pontos que estão atrapalhando o processo e a qualidade da gestão e, com essas informações, fazer uma reestruturação de ações.

Conquistar o nível máximo de maturidade não é uma tarefa fácil e requer muita atenção, conhecimento e organização em cada análise para obter resultados precisos que poderão auxiliar em cada ação corretiva.

Entre os principais pontos de identificação, podemos listar:

  • Integração entre setores;
  • Compatibilidade das metas com a realidade organizacional;
  • Nível de produtividade;
  • Índice de turnover;
  • Comunicação interna;
  • Feedbacks;
  • Clima organizacional;
  • Indicadores de desempenho;
  • Faturamento.

A Sankhya também disponibilizou alguns estudos da maturidade de gestão no segmento de:

Leia também: KPI no Comex: o que é, benefícios e quais são as principais [Guia]


Como otimizar a identificação da maturidade de gestão?

A partir de uma abordagem consultiva com soluções direcionadas e adequadas para evoluir a gestão do seu negócio, o MahaGestão é uma plataforma que proporciona uma análise completa da maturidade de gestão da empresa, levando em consideração as melhores práticas de gestão e conceitos da administração

Ao acessar a plataforma, você tem acesso a uma matriz de processos que envolve toda a operação da organização. O sistema é baseado nas melhores práticas e conceitos da administração e traz uma análise gráfica do nível de maturidade em que se encontra a empresa.

Ele mostra os pontos fortes das atividades em que a organização está com bons resultados e também os pontos fracos daquelas que exigem atenção e que podem ser melhoradas.

Com relação à execução, o sistema observa a performance em quatro níveis em que quanto menor o índice, mais atenção requer. O índice por processos, indicados por uma escala de 0 a 100, mostra quais são as melhores e mais eficientes ações para o negócio.

A plataforma cria um plano de ação com diversas tarefas a serem cumpridas, priorizando os pontos mais críticos, permitindo incluir e excluir tarefas, além de determinar uma data e o responsável pela execução de cada uma.

Após a execução das tarefas do plano de ação, é possível alcançar a evolução do índice MahaGestão por meio de uma timeline que permite a visualização de como a empresa está melhorando de forma geral e de processo a processo.

Faça uma degustação do diagnóstico MahaGestão, saiba como está a maturidade de gestão da sua empresa e como direcioná-la para ações de sucesso.


Este conteúdo foi escrito pela Sankhya, detentora da ferramenta MahaGestão, que proporciona análises de maturidade de gestão e compara negócios com outras práticas de mercado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *